Newsletters - Aprenda quais os melhores horários par enviá-las

Blog Mailify: O Email Marketing fácil de usar

Dicas para melhorar suas newsletters, atualidades sobre o nosso produto e tudo sobre e-mail marketing.

Qual o melhor horário para enviar uma newsletter?

Qual o melhor horário para enviar uma newsletter?

Uma newsletter tem 5x (isso mesmo, cinco vezes!) mais chances de ser lida do que em redes sociais, de acordo com pesquisa feita pela Radicati. Mas para que isso aconteça, além de preparar e enviar uma newsletter perfeita, com formato elegante, conteúdo agregador e visual equilibrado, é preciso ter atenção também quanto a rotina do seu público alvo para que, de fato, ocorra a conversão.

Considerar a dinâmica entre fluxos de trabalho e hábitos pessoais, em quais horários determinados perfis estarão mais receptivos a sua mensagem é um ótimo caminho. Mas como descobrir isso? Pode ser mais simples do que imagina e a Mailify pode te ajudar, confira as dicas.

  • Direcione a newsletter para o perfil certo

A primeira coisa a se fazer é segmentar o seu mailing. Entenda o perfil de cada público ao qual sua newsletter será direcionada. Um mesmo conteúdo pode ser útil para diferentes perfis, mas no momento de enviar a mensagem, a forma como poderá proceder pode variar.

Fique atento a qualidade e não a quantidade. O que está jogo aqui é o número de conversões, portanto agir com inteligência e estratégia pode fazer a diferença. O momento certo para falar com executivos de multinacionais pode ser diferente do que para comunicar com aposentados, atletas, funcionários públicos, donas de casa, etc.

  • Entenda as peculiaridades de cada persona

Pode ser difícil para um cirurgião verificar e-mails a todos a instante. Ou até mesmo um professor. É importante compreender como é o estilo de vida do seu público alvo. As pessoas as quais pretende atingir trabalham fora? Seguem um horário comercial? Ou fazem escalas, como médicos e enfermeiros? Trabalham com acesso à internet facilitado, como secretárias, advogados e jornalistas, ou restrito? Avalie essas questões.

  • Abordagem pessoal e profissional

Há duas maneiras de se orientar quanto a classificação do conteúdo da mensagem: o cliente cadastrou o e-mail como pessoal ou profissional, e o conteúdo da mensagem. A primeira pode ser não muito precisa, pois muitas pessoas usam um mesmo endereço de e-mail para as duas situações. Mas o segundo é determinante.

Se o seu conteúdo da newsletter for de cunho pessoal e enviado em horário de expediente – como publicidade de roupas íntimas ou orientações sobre sexualidade, pacotes de viagens, etc – pode atrapalhar a concentração, ou até mesmo perder-se entre tantos com prioridade naquele momento. Além do mais, dependendo do tipo de privacidade que seu lead tenha no trabalho, pode se tornar algo constrangedor.

Por outro lado, se a mensagem for sobre algo que diga respeito a profissão do seu lead, pode ser muito inoportuno recebê-la no período de descanso. Ninguém gosta de receber demandas profissionais aos fins de semana ou fora do expediente. Considere esses detalhes.

  • Horários com alta taxa de abertura

Para a empresa cujo público alvo trabalha em horário comercial, seguem algumas observações que podem ajudar:

  • Se seu lead começa o expediente entre 8h e 9h da manhã em um escritório, entre 6h e 10h, pode ser um bom horário para envio. É o período em que as pessoas com esse perfil costumam acessar seus e-mails e ainda não estão totalmente envolvidas com o trabalho, permitindo-se um pouco de distração.
  • O horário de almoço, entre 12h e 14h, também pode ser outra boa opção. Algumas pessoas têm mais disponibilidade para ler mensagens de forma mais tranquila durante o almoço, mas não necessariamente dispostas a conversão, devido as urgências profissionais.
  • Entre 16h e 20h pode ser interessante enviar mensagens, fim de expediente. As pessoas tendem a querer se desligar um pouco do trabalho. Uma faixa de horário que também tem apresentado taxas de abertura significativas.

Outra dica é evitar ao máximo envios durante a madrugada. Além de a maioria dos seus leads estarem dormindo, ao acordarem se deparam com uma caixa de entrada lotada, o que pode ser desanimador. Domingos e sábados também não costumam ser dias com muito retorno. Principalmente o domingo. No sábado, se o conteúdo for muito relevante, ainda é possível tentar. Mas são dias e horários os quais há mais chance de seus e-mails serem reportados como spam ou deletados.

  • Teste e tenha mais segurança

Não existe fórmula mágica quando o assunto é o melhor horário para envio de e-mail marketing. Algumas pesquisas, como a da HubSpot, apontam que 6h da manhã é a hora com maior taxa de cliques e abertura. Mas essa é uma informação um tanto quanto vaga, são estatísticas generalizadas.

O ideal mesmo é pesquisar, conhecer bem os hábitos do seu público alvo, entender a rotina, traçar uma estratégia e testar. Quanto mais informações detalhadas puder ter, melhor. Esqueça fórmulas ditas milagrosas e foque no que realmente pode gerar conversão.

Se o assunto que quer abordar diz respeito a algum aspecto profissional do lead, teste enviar a mensagem em diferentes horários do expediente dele. Se for relativo a vida pessoal, tente envios de manhã e à noite, aos sábados também. Ou seja, em horários os quais seu lead esteja relaxando.

Teste, compare, avalie até encontrar um horário eixo que permita turbinar suas conversões. Observe os fluxos. De tempos em tempos, teste de novo. Comportamentos mudam e os resultados também.

Preparado? Faça e envie sua newsletter hoje mesmo, dê o start para o sucesso do seu negócio!

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go Top